Qualidade do ar interno no ambiente com ar condicionado.

O ar condicionado pouco faz para melhorar ativamente a qualidade do ar interno, o principal objetivo do ar

qualidade do ar
Filtro de ar

O ar condicionado pouco faz para melhorar ativamente a qualidade do ar interno, o principal objetivo do ar condicionado é melhorar o conforto dos ocupantes, resfriando o ar e regulando a temperatura. Ele faz isso circulando o ar já presente. Obviamente temos diferenças entre o funcionamento de sistemas de climatização de expansão direta e indireta, mas podemos tratar o objetivo de ambos como o mesmo. 

Também é prática comum fechar todas as janelas e portas quando o ar-condicionado estiver em funcionamento. Embora seja compreensível, pois isso economiza dinheiro e permite que o ar condicionado funcione de forma eficaz, retém ainda mais os contaminantes internos, é importante ter uma saída para o ar interno. Além disso, quando uma unidade de ar condicionado não é mantida adequadamente ou é executada com mais frequência do que o necessário, a qualidade do ar interno diminui, a manutenção dos sistemas de ar condicionado é extremamente importante para o seu funcionamento correto e para a eficiência desejada.

Veja Também – Quais são os tipos de motores elétricos ?

Se o ar no ambiente estiver poluído com compostos orgânicos voláteis e alergênicos, o ar condicionado provavelmente estará piorando a situação. Devido ao fato de que os condicionadores de ar reciclam o ar interno sem purificá-lo, o ar impuro que circula dentro do ambiente diminui ainda mais a qualidade do ar interno. A circulação de ar sem ventilação pode resultar em sintomas como problemas respiratórios, coceira nos olhos e dores de cabeça. O ar muito seco também agrava a situação, causando ressecamento do nariz, boca e olhos, isso pode fazer também com que a pele fique com coceira e escamosa. 

A umidade interna é outro fator importante a ser analisado, e, quando possível, medido. A grande variação de temperatura e umidade são prejudiciais à nossa saúde, reduzindo a capacidade imunológica dos ocupantes, a umidade ideal em um ambiente interno é de 45%, sendo abaixo de 30% muito seco e acima de 50% úmido demais. Quando nossas membranas mucosas ficam secas, ficamos mais suscetíveis a doenças. Esta suscetibilidade é agravada pelo ar condicionado doméstico que circula ar poluído. 

Veja Também – SMART AIR Climatizadores Evaporativos

Fonte: https://www.mercatoautomacao.com.br/

Pin It

Leave a Comment